Orientações para Taguear os Exercícios

Definições das tags

Leia as páginas Motivos e Temas Táticos e Motivos e Temas Positionais antes de começar a taguear os exercícios. Essas páginas reúnem descrições e exemplos de cada motivo e tema tático ou posicional que é representado por uma tag de Chess Tempo. Alguns autores de xadrez têm definições diferentes para certos motivos e temas, de forma que as descrições dessas páginas podem não ser iguais as que você já leu em outros lugares. Em tais casos, tente usar as definições de Chess Tempo para manter o mais consistentes possível nosso sistema de tags.

Como funciona a votação das tags

A votação das tags soma os votos a favor e contra cada tag atribuída a um exercício e, se houver mais votos a favor do que contra, o exercício será marcado com essa tag. Por causa disso, se você já encontrar um exercício com uma tag com a qual concorda, é útil votar nessa tag ainda que o exercício já tenha sido marcado com ela. A razão é que se houver apenas um voto para a tag e outra pessoa votar incorretamente contra, ela se tornará inativa (colorido em vermelho) mas, se você adicionar seu voto à tag serão necessários dois votos contra para desativá-la.

Os usuários só podem votar uma vez em cada tag de um exercício. Podem, no entanto, votar em vários diferentes tags em cada exercício. Assim, se você vir mais de uma tag apropriada a um exercício, vote em todas elas.

O número de votos a favor e contra uma tag é mostrado ao lado da tag quando você passa o mouse sobre ela. Você pode clicar em + ou - para adicionar votos a favor ou contra uma tag existente, ou então usar o botão (+) abaixo das tags para introduzir uma nova tag ao exercício.

Na lista de tags já votadas, você pode clicar no nome de uma tag para ver a descrição dela para verificar seu entendimento da definição da tag antes de votar. Se você não votou em uma tag antes ou não votou recentemente, também será exibido o painel de descrição mesmo quando você clicar diretamente nos números de votos para cima e para baixo visando adicionar seu voto.

Para votar em uma nova tag, clique no botão (+) no Treinador de Tática e abra o painel "Adicione tag" no qual as tags estão dispostas em uma estrutura de pastas. Pastas de nível superior, como "Motivos e Temas sem Mates", não podem ser votadas diretamente mas há pastas que são tags votáveis. Por exemplo, dentro dessa pasta "Motivos e Temas sem Mates" você encontrará a pasta "Descobertos", na qual poderá votar diretamente, bastando para isso clicar em seu nome [mas não no ícone expandir (+) ou recolher (-)]. Se você votar em uma tag que é filha de outra tag, estará votando também na respectiva tag mãe, mas não em uma tag filha da filha. Por exemplo, a tag "Xeque a Descoberto" está dentro da pasta "Ataque a Descoberto" que está dentro da pasta "Descobertos" formando o caminho "Motivos e Temas Táticos" -> Motivos e Temas sem Mates -> Descobertos -> Ataque a Descoberto -> Xeque a Descoberto". Então, se você votar em "Xeque a Descoberto" as tags "Ataque a Descoberto" e "Descobertos" também serão votadas. Mas se você votar em "Descobertos" as tags filhas não serão votadas. Essa estrutura permite maior flexibilidade nas pesquisas de criação de bases personalizadas, pois se você votar em "Xeque a Descoberto", as pessoas também poderão encontrar as tags "Descobertos" e "Ataque a Descoberto". Votos contrários funcionam da mesma maneira que votos favoráveis na estrutura de pastas. Por exemplo um voto contrário à tag "Xeque a Descoberto"' também será um voto contrário às tags "Ataque a Descoberto" e "Descobertos".

Uma das motivações do sistema de tags de Chess Tempo é permitir aos usuários encontrar exercícios que contenham um motivo ou tema tático que desejam estudar. Por exemplo, se uma pessoa deseja estudar cravadas, ela pode fazer uma busca e criar uma base personalizada com essa tag (ou usar a base pré-selecionada de cravada). É importante lembrar-se disso ao taguear um exercício. Digamos que você esteja resolvendo um exercício e queira adicionar a tag cravada a ele. Antes de adicionar essa tag, pergunte-se o seguinte: Se eu estiver buscando exercícios com cravadas, esse exercício será um dos quais eu desejaria que estivesse presente nos resultados da busca? Se a resposta for "sim", então adicione a tag. Mas se for "não", a tag não deverá ser adicionado.

Modificadores de Tag

Os modificadores de tag permitem que versões mais específicas de tags sejam representadas sem criar um grande número de novas tags de nível superior. Por exemplo, pode ser útil marcar que um tema tático está sendo utilizado com xeque, ou que uma determinada peça foi a responsável pela execução do tema tático. Assim, um garfo de cavalo com xeque pode ser representado pela tag Garfo[Xeque, Cavalo].

Os modificadores só podem ser adicionados criando uma nova tag. Não se pode adicionar um modificador a uma tag já existente em um exercício. Por exemplo, se houver a tag Garfo sem modificadores e você quiser adicionar a tag Garfo[Xeque, Cavalo] será necessário usar o botão "+" para abrir o painel "Adicione Tag", clicar na tag "Garfo" para abrir o painel dela, clicar no botão "Modificadores" e escolher os modificadores Xeque e Cavalo. Para evitar o acúmulo da mesma tag com diferentes modificadores, se você acredita que a nova tag com modificadores é a mais específica disponível, vote contra a tag Garfo. De fato, ela não está errada mas a nova tag Garfo[Xeque, Cavalo] é mais específica e é preferível que se torne a principal forma de identificar um Garfo nos exercícios. Isso porque as pesquisas para encontrar exercícios de "Garfo" encontrarão também os exercícios contendo os modificadores, havendo também a possibilidade de se pesquisar exercícios mais específicos, que envolvam não apenas um Garfo mas um Garfo que seja um xeque desferido por um Cavalo. Se outros usuários concordarem com seus modificadores, eles poderão simplesmente adicionar um voto na versão modificada da tag sem ter que repetir todo o processo, além de também poderem votar contra a versão menos específica.

Atualmente há três tipos de modificadores, o modificador Xeque, o modificador que identifica a peça ou as peças atacantes (Peão, Bispo, Cavalo, Torre, Dama e Rei) e o modificador Profilaxia. O modificador Xeque deve ser usado quando a tática envolve um xeque ao rei oponente. O modificador de peça (Bispo, Cavalo, Dama, Peão, Rei, Torre) designa a peça ou as peças envolvidas no ataque. Por exemplo, no caso de um garfo, esse modificador será apenas uma peça mas no caso de um ataque a descoberto, uma dupla ameaça ou mesmo uma defesa em raios-x, serão duas peças. O modificador Profilaxia fornece uma maneira de indicar que o lance foi necessário para proteger contra um ataque potencial do oponente, sendo mais comumente aplicável em exercícios defensivos, mas também pode ser relevante em táticas não defensivas.

Observe que os modificadores de peças (Peão, Bispo, Cavalo, Torre, Dama e Rei) referem-se apenas à peça (ou às peças) responsável pela execução da tática e não devem ser utilizados para marcar a peça atacada. Por exemplo, um Garfo[Rei] é um garfo de rei em duas peças adversárias e NÃO um garfo em um rei, o qual seria representado por Garfo[Xeque]. Da mesma forma, Cravada[Torre] é uma tática onde uma torre está cravando uma peça e NÃO a cravada de uma torre.

Você pode usar o modificador de peça para peças oponentes quando combinado com o modificador Profilaxia, indicando qual peça oponente poderia concretizar a ameaça potencial. Da mesma forma, se um lance é feito para proteger contra um possível xeque do oponente, então é adequado adicionar Profilaxia e Xeque como modificadores.

Para um pequeno número de tags, os modificadores são redundantes, pois tais tag específicas se sobrepõem ao modificadores. Por exemplo, "Ataque a Descoberto com Xeque" poderia ser "Ataque a Descoberto[Xeque]" mas essa tag foi criada para evitar confusão com "Xeque a Descoberto" que também poderia ser representado por "Ataque a Descoberto[Xeque]".

Utilizando temas posicionais

Inicialmente, os motivos posicionais estavam disponíveis no recurso Lance do Mestre . Agora permitimos que tags posicionais sejam usadas nos exercícios de tática também. Ao decidir se uma tag posicional pode ser usada em um exercício, tente se limitar aos recursos que foram relevantes para sua solução. Por exemplo, se uma posição tem peões conectados, mas eles não aparecem na tática, então essa tag não deve ser marcada. Se, no entanto, a tática envolver a utilização de um peão avançado para ganhar material, é possível que a natureza conectada de seus peões seja relevante e, se for esse o caso, a tag deve ser marcada. Alguns motivos posicionais tendem a ser mais associados a táticas do que outros. Por exemplo, motivos posicionais como "Torre na 7ª (2) Fila", "Ataque a Baioneta", "Torre na 3a (6a) Fila" tendem a se apresentar mais comumente em problemas táticos do que algumas tags posicionais menos agressivas.

Tags para marcar ameaças táticas que não são jogadas no exercício

Às vezes, uma tática envolve a ameaça de execução de um tema tático específico, mas o tema em si não é jogado no tabuleiro. Por exemplo, o oponente pode entregar um bispo para evitar uma ameaça de garfo de peão em duas torres. Nesse tipo de situação, não há problemas em marcar o exercício com a tag do tema tático ameaçado, desde que a ameaça seja realmente importante para fazer a tática funcionar. Ameaças incidentais, que não são relevantes para a linha principal do exercício, não devem ser marcadas.

Necessita Lance Diferente e Necessita Lances Extras

Essas tags tem o propósito especial de habilitar o usuário a sugerir um lance que considere importante para melhorar a qualidade do exercício que está fazendo.

"Necessita Lances Extras" deve ser usado quando o exercício terminou cedo demais e se beneficiaria de mais lances para forçar o usuário a ver o objetivo da tática. Você é solicitado a inserir um único lance que será o próximo na linha principal (geralmente um lance extra do oponente). Ainda que você considere que vários lances extras sejam necessários, somente o próximo lance deve ser inserido. Isso tornará a extensão automática de exercícios muito mais fácil de ser processada. Embora possa parecer que às vezes a tag "Necessita Lances Extras" tenha que ser votado novamente no exercício melhorado, na grande maioria dos casos a extensão automática será capaz de preencher mais de um lance extra com base no primeiro lance fornecido. Então, por exemplo, se a linha principal de um exercício terminou após dois lances do usuário com 1...Nf3 2.Rxf3 Qxf3 e você considerou que 3.Bxf3 Rxf3 deveriam ter sido jogados, então você deve clicar na tag "Necessita Lances Extras" e digitar 3 .Bxf3 como o lance extra.

"Necessita Lance Diferente" deve ser usado quando você considera que um lance feito pelo oponente impediu que o ponto principal do exercício fosse mostrado ou que um lance diferente do oponente teria sido mais instrutivo. Nesse caso, você deve inserir o lance que considera melhor que o lance existente. Por exemplo, se a linha principal era 1...Nf3 2.Rxf3 Bxf3 (com o branco entregando uma torre para evitar a futura perda da dama) e você acha que forçar o usuário a encontrar a variante de ganho da dama seria mais instrutivo, então você poderia sugerir 2.Rf4, que seria um lance que forçaria ao usuário provar que pode ver o ganho da dama. Observe que a tag "Necessita Lance Diferente" não deve ser usada para sugerir lances fracos, que um humano não jogaria, apenas para revelar uma linha tática bonita. A jogada sugerida deve sempre dar ao lado vencedor uma boa chance de se desviar e deixar de ganhar, mesmo que tal lance possa ter uma avaliação computacional mais baixa.

Se você não tiver certeza da qualidade do lance que pretende sugerir, deve utilizar um engine para verificá-lo. Também pode haver situações em que simplesmente não há um bom lance, o que acarretaria o abandono da partida por um humano. Uma boa orientação é sempre sugerir o lance que coloca as questões mais difíceis para quem está solucionando o exercício.

Tal como com as demais tags, é muito útil adicionar um voto extra para as tags "Necessita Lance Diferente" e "Necessita Lances Extras" quando você ver uma sugestão de lance com a qual concorda. Fazendo isso, você não apenas ajudará a manter tais tags no caso em que outros usuários votem incorretamente contra elas mas também, na próxima vez que o ajuste automático dos exercícios for implementado, serão processados em primeiro lugar aqueles com mais votos para as tag.

Erros comuns de tagueamento

Peça Pendurada : Deve ser usado apenas quando uma peça está pendurada e pode ser capturada no primeiro lance do exercício. Por exemplo, NÃO deve ser usado quando você dá um garfo ou um espeto e depois captura uma peça no próximo lance.

Mate Gaveta vs Rei Engavetado : Um exercício deve ser tagueado com apenas uma dessas tags mas não com ambas. Se ocorrer um mate na solução, vote em Mate Gaveta. Se houver ganho de material por causa de ameaças de mate ao Rei Engavetado, então vote nessa tag.

Bloqueio vs Interferência : Essas tags não são iguais e não devem ser usadas como se representassem um mesmo tema tático. Por favor, leia a página "Motivos e Temas Táticos" para ver a diferença. Resumindo, um Bloqueio faz com que uma peça do oponente ocupe uma casa de escape de seu Rei, enquanto que uma Interferência corta uma ou mais linhas de defesa entre duas ou mais peças do oponente, ou entre uma peça e uma casa importante para o oponente.

Atração vs Distração : Dois temas táticos muitas vezes confundidos um com o outro. Uma Distração afasta uma peça do oponente de sua tarefa defensiva sobre outra peça para que essa outra peça possa ser capturada, enquanto uma Atração "puxa" uma peça do oponente para uma casa onde ela possa ser atacada a seguir.